Rogerio Dultra, Autor em O Cafezinho

O Cafezinho

Arquivo do colunista

quarta-feira

18

outubro 2017

8

COMENTÁRIOS

A nossa Divina Comédia

Escrito por , Postado em Denise Assis, Redação

Autora :Denise Assis Depois do que assistimos no senado, nesta quarta-feira, dia 17 de outubro e, hoje, 18, na Câmara dos Deputados, tenho a sensação de ter entrado na trilha descrita e seguida por Dante Alighieri em sua obra, “A Divina Comédia”, rumo aos “nove círculos do inferno”, sem, contudo, ter a companhia do poeta Virgílio, a me guiar e advertir. Em sua narrativa, Dante descreve a situação fantástica entre um sonho e um pesadelo, que o levam, depois de vagar por toda uma noite, à subida de uma colina. De lá, inicia a sua viagem, indo parar no Portal […]

quarta-feira

18

outubro 2017

8

COMENTÁRIOS

quarta-feira

11

outubro 2017

2

COMENTÁRIOS

O nazismo alemão e a situação de exceção no Brasil

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura

Por Rogerio Dultra dos Santos Hoje, depois de implantado e disseminado o modus operandi  “Lava-Jato” por uma parte de juízes, delegados e procuradores brasileiros, já é um truísmo afirmar que o Poder Judiciário age politicamente. Isto não impede que tal afirmação continue a chocar. Afinal de contas, o que justifica a existência do poder repressivo centralizado nas instituições do Estado, o que impede que indivíduos façam “justiça” pelas próprias mãos, é a imparcialidade dessas instituições e seu funcionamento orientado pela lei. Assim, no momento em que não há mais a segurança da imparcialidade, quando juízes fazem política através do processo, […]

quarta-feira

11

outubro 2017

2

COMENTÁRIOS

segunda-feira

2

outubro 2017

28

COMENTÁRIOS

Prisão e morte do reitor da UFSC, por Rogério Dultra

Escrito por , Postado em Rogerio Dultra

Prisão e morte do Reitor da UFSC Por Rogerio Dultra Um Processo Administrativo Disciplinar que corre desde 2006 na UFSC para verificar a existência de desvio de verba da Capes resultou, na semana retrasada, na prisão do Reitor. Hoje, às 10:30 Luiz Carlos Cancellier de Olivo se transformou tragicamente na vítima direta da espetacularização punitiva em voga no país. O reitor estava com um ano e meio de mandato. De repente, um Processo Administrativo Disciplinar aberto desde 2006 implicou em sua prisão cautelar, em 2017. Isto soa muito estranho. Alguns, da velha guarda, diriam que é surreal. Não vi o […]

segunda-feira

2

outubro 2017

28

COMENTÁRIOS

quarta-feira

30

agosto 2017

12

COMENTÁRIOS

Um Brasil pós-Temer: extremismos, poder grotesco e geopolítica da exceção

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura, Rogerio Dultra

Um golpe de Estado é bem sucedido se, para além da falta de resistência do povo, consegue criar apatia e medo. Desemprego, crise econômica, instabilidade jurídica e descrença na política são os adubos que se enraízam a cada dia que passa nos corações e mentes dos que assistem o país ser vandalizado. O medo gera a angústia, que gera também a radicalização. Este fenômeno não é nem único, nem recente. Atinge em geral indivíduos das classes médias, frustrados com um horizonte de expectativas sem dinheiro e sem glória. Futuro completamente distinto das promessas fáceis do Brasil que embalava o golpe, […]

quarta-feira

30

agosto 2017

12

COMENTÁRIOS

segunda-feira

12

junho 2017

6

COMENTÁRIOS

Como e por que transformar o Brasil numa imensa cracolândia

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura, Rogerio Dultra

Foto: Edilson Dantas / Agência O Globo Por Rogerio Dultra dos Santos, colunista d’O Cafezinho Os únicos? elementos? que unem? os setores do golpe são as reformas previdenciária e trabalhista. Independentemente de como o golpe se concluirá – por Temer, por eleições indiretas, pela supressão das eleições diretas em 2018 ou até por eleições diretas – o objetivo comum dos golpistas é facilitar o desmonte do que resta do Estado Social e implantar o modelo de controle repressivo da população desassistida. Nesse sentido, o tratamento dado aos moradores da cracolândia em São Paulo é uma demonstração impressionista do que pode […]

segunda-feira

12

junho 2017

6

COMENTÁRIOS

terça-feira

16

maio 2017

3

COMENTÁRIOS

Lula em Liliput

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura

Por Rogerio Dultra dos Santos, colunista d’O cafezinho Dizia-se de 2013 que “o gigante” havia acordado. O que se vê hoje, na verdade, é uma legião de homens minúsculos e medíocres, como na fábula de Jonathan Swift, que pretendem derrubar e amordaçar a maior liderança política das últimas décadas. Mais um momento em que o golpe metamorfoseia-se em farsa, o interrogatório de Lula na “Operação Lava-Jato” será certamente objeto de estudo por muitos e muitos anos. O documento registra – sob a perspectiva “fílmica” dos inquisidores, diga-se –, o momento histórico em que o poder ficou nu em sua mediocridade […]

terça-feira

16

maio 2017

3

COMENTÁRIOS

quarta-feira

10

maio 2017

12

COMENTÁRIOS

Curitiba, a capital do estado de exceção

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura

(Imagem: Globonews) Por Rogerio Dultra dos Santos, colunista d’O Cafezinho Hoje, num desdobramento típico do nosso realismo fantástico, o futuro da democracia brasileira será decidido em Curitiba. O palco está armado – até os dentes, segundo vídeos que documentaram ontem as movimentações da tropa de choque da PM na capital paranaense. Assim Lula e as centenas de movimentos sociais que se organizaram para manifestar o seu apoio ao ex-Presidente serão recebidos. Na madrugada de hoje, foram filmados morteiros sendo jogados no acampamento do MST, perto do centro da cidade. Helicópteros, “caveirões”, proibição de circulação nos arredores da Justiça Federal, o […]

quarta-feira

10

maio 2017

12

COMENTÁRIOS

quarta-feira

12

abril 2017

22

COMENTÁRIOS

A Páscoa da delação e o seu alvo

Escrito por , Postado em Análise de Conjuntura, Democracia e Conjuntura, Rogerio Dultra

Por Rogerio Dultra dos Santos, colunista de política d’O Cafezinho Este artigo poderia se chamar de “A nova fase do golpe”. Isto porque o golpe dentro do golpe avança em direção às tropas mercenárias, aliadas, e até aos generais “de dentro” – mesmo que tudo indique que seja apenas para inglês ver. A relativa “democracia” da lista de delatados do Ministro do STF Edson Fachin – chegando a nomes tidos como “ilibados” – atinge percentual significativo do Congresso Nacional. Afeta também governadores e vários ministros do regime Temer, o beneficiário da primeira fase do golpe. Mas o que importa mesmo […]

quarta-feira

12

abril 2017

22

COMENTÁRIOS

terça-feira

3

janeiro 2017

3

COMENTÁRIOS

Tome e leia, amigo leitor!

Escrito por , Postado em Conteúdo Livre, Literatura

  Convite à leitura do novo livro de Paulo Henrique Amorim Por Epaminondas Demócrito d’Ávila* Diz a lenda que Agostinho, imerso em profunda crise intelectual e existencial, ouviu no verão de 386 uma voz de criança, dizendo-lhe repetidas vezes: tolle, lege – Tome e leia! Agostinho seguiu o conselho, leu – e virou Santo Agostinho. O resto é história. *** O Brasil está mal. O jornalismo, bem. Explico-me: não me refiro à mídia impressa e televisiva, à Rede Globo, à VEJA, ÉPOCA e ISTOÉ, aos jornalões, à asinina opinião publicada, que usurpa a opinião pública e é controlada por algumas famílias ou, […]

terça-feira

3

janeiro 2017

3

COMENTÁRIOS

terça-feira

3

janeiro 2017

4

COMENTÁRIOS

Lista tríplice, corporativismo e democracia*

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura

Por Rogerio Dultra dos Santos, exclusivo para o Cafezinho Não é razoável comparar a organização política de instituições repressivas com a organização política daquelas educativas ou voltadas à saúde pública. Instituições de “polícia”, como a PF, o MPF, as PM’s, as Polícias Civis, operam sob critérios infeliz e completamente distintos dos ditos “científicos”. As políticas de segurança pública são um campo de disputa aberta, onde os consensos são quase inexistentes e as ideologias valem mais que as estatísticas. Já as Universidades, Institutos Federais de Ensino, Escolas Públicas, Hospitais e Institutos de Pesquisa Aplicada – como a Fiocruz – orientam-se por […]

terça-feira

3

janeiro 2017

4

COMENTÁRIOS

sábado

26

novembro 2016

18

COMENTÁRIOS

O fio da meada e a história da crise

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura

Por Rogerio Dultra dos Santos, exclusivo para o Cafezinho Estimulado pelo excelente artigo de Lucas Figueiredo no The Intercept Brasil de ontem, arrisco um preâmbulo com os 10 fatos históricos que podem jogar luz na conjuntura da semana. Em seu artigo, Figueiredo examina os 30 fatos que explicam o fio da meada da história dos últimos dois anos, partindo da derrota de Aécio Neves nas eleições de 2014 até o caso Geddel-Temer. O meu objetivo é mais genérico e menos analítico. Faço um rápido apanhado da conjuntura de pulverização das instituições democráticas através da história das últimas décadas. É uma […]

sábado

26

novembro 2016

18

COMENTÁRIOS

segunda-feira

21

novembro 2016

6

COMENTÁRIOS

O golpe deu certo. Para quem?

Escrito por , Postado em Análise de Conjuntura, Democracia e Conjuntura, Política

Foto: José Cruz/Agência Brasil Por Rogerio Dultra dos Santos, exclusivo para o Cafezinho Como era de se esperar, o regime Temer faz água em velocidade assustadora, envolto em denúncias de corrupção, em uma crise econômica aguçada por sua incompetência e pela ganância desenfreada das forças internacionais do capital que desejam saquear o país o mais rapidamente possível. Neste mar revolto, os vários representantes do capitalismo brasileiro soçobram em disputas fratricidas, em grande parte geradas pela ausência de uma força política de conciliação. Paralelamente ao grande cenário geopolítico – que situa o Brasil como mais uma peça do xadrez internacional de […]

segunda-feira

21

novembro 2016

6

COMENTÁRIOS

quinta-feira

3

novembro 2016

6

COMENTÁRIOS

Eleições Municipais: O que o Rio de Janeiro tem a dizer às Esquerdas

Escrito por , Postado em Análise de Conjuntura, Democracia e Conjuntura, Eleições 2016, Rio Política

Por Carlos Eduardo Martins[1] A derrota das esquerdas nas eleições municipais de 2016 no Rio de Janeiro, ainda que se tenha dado numa conjuntura de forte ofensiva eleitoral da direita no país, representa mais um episódio de revés numa trajetória recorrente de derrotas que se estende desde 1992. Como analisar a derrota de 2016 e as suas especificidades, no contexto desta longa duração de insucessos? Um primeiro elemento para explicar a derrota das esquerdas desde 1992, é o alto nível de competição eleitoral entre suas principais vertentes, em particular durante o período de ofensiva ideológica neoliberal, o que impossibilitou a […]

quinta-feira

3

novembro 2016

6

COMENTÁRIOS

sexta-feira

30

setembro 2016

1

COMENTÁRIOS

Leonardo Giordano: “A criminalização de Lula é uma etapa da luta de classes”

Escrito por , Postado em Análise de Conjuntura, Bate papo Cafezinho, Democracia e Conjuntura, Eleições 2016, Entrevista, Golpe

Vereador do PCdoB e candidato à reeleição em Niterói (RJ) Leo Giordano é um jovem e corajoso político que não foge de polêmicas. Acabou de presidir a CPI da Ampla, fornecedora de energia da cidade, acusada de várias irregularidades. Assinou também a CPI dos Transportes, outro ninho de vespas. É presidente da Comissão de Cultura da cidade, tendo atuado junto a skatistas, artistas e pichadores de rua, e movimento LGBT. Seu último embate chegou até as portas do Ministério da Defesa, atuando contra as Forças Armadas, que expulsaram uma comunidade centenária da Aldeia Imbuhy, terreno de marinha em Niterói. É o parlamentar […]

sexta-feira

30

setembro 2016

1

COMENTÁRIOS

terça-feira

20

setembro 2016

1

COMENTÁRIOS

A “Lava-Jato” e o processo penal como “Oportunidade”

Escrito por , Postado em Democracia e Conjuntura, Justiça, Rogerio Dultra

(Foto: Lucio Bernardino Jr/Câmara dos Deputados) Por Rogerio Dultra dos Santos, Colunista de Política do Cafezinho Na tarde desta terça-feira, 20 de setembro, o Juiz Federal Sérgio Moro recebeu a denúncia do Ministério Público Federal contra o Ex-Presidente Luiz Inácio “Lula” da Silva por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A denúncia ainda aponta participação de cinco empreiteiros, do presidente do Instituto Lula e de Marisa Letícia, mulher de Lula. Na decisão que admite a denúncia do MPF, o juiz Moro realiza uma verdadeira defesa da peça acusatória, exculpando os excessos, a falta de provas e o notório desequilíbrio entre […]

terça-feira

20

setembro 2016

1

COMENTÁRIOS