Ipsos: aprovação de Dilma é duas vezes superior a de Aécio e empata com FHC - O Cafezinho

O Cafezinho

sábado

1

abril 2017

23

COMENTÁRIOS

Ipsos: aprovação de Dilma é duas vezes superior a de Aécio e empata com FHC

Escrito por , Postado em Redação

O Instituto Ipsos acaba de publicar a íntegra de sua mais recente pesquisa sobre as lideranças políticas. Eu reproduzo o documento ao final do post.

Eu printei algumas partes da pesquisa, para chamar atenção de pontos que achei mais interessantes.

Lula ainda é o político número 1 em aprovação. Sua rejeição caiu muito nos últimos meses, para 59%, um índice alto, porém muito inferior a de seus adversários, como Michel Temer (rejeição de 78%), Aécio Neves (74%) e FHC (67%).

A aprovação de Lula por 38% da população está quinze pontos à frente dos números de FHC, que tem apoio de apenas 23% da população, apesar de viver uma velhice tranquila, serena, sem ser incomodado pelos meganhas da Polícia Federal, Judiciário, MP e mídia.

É curioso que FHC, passado tanto tempo de seu governo, e paparicado de maneira tão intensa pela grande mídia, ainda permaneça tão rejeitado pela população. Sua aprovação é a mesma de Dilma, que sofreu a mais abjeta e brutal campanha midiática da história mundial.

Observe que Dlma Rosseff, apesar da alta rejeição (74%), possui mais que o dobro da aprovação que Aécio Neves, o candidato que ela derrotou nas urnas. Dilma tem 23% e aprovação, contra 11% de Aécio e 17% de Michel Temer. Aécio tem  rejeição igual a de Dilma: 74%. A rejeição de Temer está quatro pontos à frente: 78%.

Renan Calheiros faz bem em se afastar de Temer: seus dados de aprovação são dramáticos. Ele se tornou o segundo político mais impopular do país, com 83% de rejeição, só superada por Eduardo Cunha, e isso deve estar afetando a imagem de seu filho, governador de Alagoas.

Para Lula, nota-se ainda a tendência de “boca de jacaré” se fechando, com rejeição caindo e aprovação subindo, a um ritmo bastante acelerado.

Para Temer é o oposto: a boca do jacaré está se abrindo, com rejeição crescendo e aprovação caindo.

 

  

 

 

 

 

 

 

 

sábado

1

abril 2017

23

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

23 COMENTÁRIOS

  1. vitor f
  2. jossimar
  3. waltet pastori